Comece bem o seu dia!

Precisamos nos vigiar! Todos as manhãs começamos nosso dia acelerados pelas inúmeras atividades a serem realizadas, problemas a serem solucionados, medos a serem enfrentados! E a tempo estamos perdendo a qualidade e a essência dos momentos do dia!

Leia mais...

Aprenda a permanecer!

Paz e unidade! O mês de setembro se despede e a primavera se prepara para chegar e decorar nossas vidas, alegrar nossa alma e provar que por mais que tarde o inverno há de passar!

Tenho observado que nossa vida sentimental repete o mesmo ciclo! Constantemente pessoas “passam” por nós, somando ou subtraindo, dividindo ou multiplicando, nos fazendo viver momentos inesquecíveis ou nos causando grandes feridas... Entre chegadas e partidas precisamos aprender a permanecer! Para isso nossos pés devem estar enraizados em valores autênticos e concretos, nossas metas devem ser claras e objetivas, e nossas escolhas precisam muitas vezes serem iluminadas pela graça de Deus e pelo amor próprio! Mesmo assim não estaremos livres do inverno emocional causado por relacionamentos inacabados... É sempre dor, sofrimento e angustia! Isso em todas as áreas! Relacionamento é o meio que Deus encontrou de suscitar e provar nossa disposição de amar as pessoas, perdoá-las, e recomeçar sempre! E tudo isso permanecendo... Não podemos permitir que oportunistas entrem em nossas vidas, em nosso coração que é solo sagrado, e ao partir levem nosso direito de sermos felizes! Ninguém tem o direito de sequestrar nossa felicidade!

É necessário permanecer mesmo em situações onde parece que o mundo vai acabar e que todo aquele sofrimento não chegará ao fim! Não devemos nos esquecer que 'após a tempestade há sempre a bonança', não importa quem partiu, não importa o que levaram de você, permaneça ainda que mediante às piores circunstâncias. Se você não permanecer não verá a chegada da primavera, suas cores e alegria! Portanto: Valorize-se e Permaneça! Quem quis partir... Partiu!

“Os ventos que às vezes tiram algo que amamos, são os mesmos que trazem algo que aprendemos a amar... Por isso não devemos chorar pelo que nos foi tirado e sim, aprender a amar o que nos foi dado. Pois tudo aquilo que é realmente nosso, nunca se vai para sempre..."

Deus abençoe!

Por Ir. Rodrigo Dias, Fundador e Moderador Geral Comunidade Deus Proverá

Não coloque sua felicidade nas mãos dos outros!

Nós não somos ilhas... Existe dentro de nós, em proporções e necessidades diferentes, o desejo de amar e ser amado. Este desejo tem sido extremamente explorado pelas redes sociais e demais alternativas que buscam oferecer-nos um par perfeito.A verdade é aceitamos e navegamos nesta vias buscando puramente alguém que preencha nossos vazio, nossa necessidade de completude , de felicidade e acolhimento. Não se trata de pessoas que vivem sozinhas simplesmente, mas muitos são socialmente populares ou até mesmo rodeados de pessoas. Mas como diz São João da Cruz a centenas de anos atrás, vivem uma solidão povoada. Isso reflete nossa ânsia de amar, mas também nossa dificuldade de viver a solidão, de viver conosco, de nos amar por primeiro.Em uma sociedade cada vez mais consumista, competitiva, o individualismo e a especificidade tem se apresentado como característica cada vez mais comuns, e isso favorece o isolamento. Faz necessário aprender que solidão não começa quando afastamos de alguém, mas quando nos afastamos de nós mesmos. Isso torna-nos peregrinos a vagar sem rumo, sem sonhos, sem um ideal que faça nosso coração vibrar.A angústia deste vazio intenso e que dói, nos leva a buscar por alguém que nos faça sentir melhor, onde depositamos nessa pessoa todas as expectativas e responsabilidades para nos fazer feliz. O relacionamento já começa errado assim... Pois ninguém consegue plenamente completar.O segredo não e esperar que outros nos amem, sem nos amar. Que outros nos aceitem se não nos aceitarmos. O primeiro relacionamento tem que ser com você... E assim certamente as pessoas entrarão em nossas vidas para nos fazer felizes e não simplesmente ser mais um ou uma para nossa coleção de decepções .

Temperança nas Provações

Existe uma passagem no Evangelho de Lucas que narra Jesus iniciando sua missão na Galileia especificamente na sua cidade natal, Nazaré.Ele, em um dia de sábado, entra na Sinagoga e proclama um texto do profeta Isaias e todos ficam admirados. Porém, em seguida ele diz a verdade sobre sentimentos deles e da pobreza de seus corações. E já sabemos do resultado de quem diz a verdade... É Hostilizado, excluído e por vezes até morto.

Leia mais...

Sub-categorias