É fato que vivemos uma vida árdua. A vocação Deus Proverá, como toda vocação cristã, é um nadar constantemente contra a corrente. Estar no mundo, viver no mundo, construir a Civilização do Amor e ter o grande desejo no coração, da vinda de Jesus. Desejo de eternidade. Nós, em cada realidade específica da Obra, somos chamados a portar esta esperança como chama viva contra toda desesperança. Somos a boa nova de Cristo ao mundo, somos a Sua Palavra viva e encarnada.

 

E todo este evangelho vivo que somos chamados a ser, só é possível na constante renovação do nosso SIM dado e agora vivido por amor a Jesus e a humanidade. Um amor que diariamente renova-se na Eucaristia, na vida comunitária e na missão. Um amor que deseja consolar Jesus abandonado nos que sofrem, saciar sua sede de unidade. E ser presença providente em tantos Calvários onde novamente Jesus é crucificado e abandonado. Um sim feito ação, um amor feito vocação e uma vocação feita missão.

Neste mês de Novembro, mês do SIM, saibamos expressar nossa gratidão ao chamado de Deus, feito a cada um de nós para que nossas vidas fossem gastas por algo maior, sim, maior que nós mesmos, maior que os planos que tínhamos para nosso futuro.

Tenhamos a docilidade de Maria para ouvir e agir intrepidamente na vontade de Deus, nossa alegria!

Um fecundo mês do SIM a todos nós.

Seu comentário é muito importante para nós