adventoIniciamos um tempo muito bonito da Igreja, o Advento. A palavra advento quer dizer que "está para vir".

 

Este tempo compreende as quatro semanas que antecedem o Natal e nos convida, através da liturgia e toda a mística que a envolve, a uma conversão verdadeira, um tempo de espera e de esperança, onde através da vigilância somos exortados a uma preparação para a vinda do Senhor.

O advento nos prepara para o Natal, que é a primeira vinda de Cristo e também para a sua segunda e definitiva vinda, esperança de todo o cristão.

Alguns personagens bíblicos são modelos para uma boa vivência do Advento:

Isaías, profeta da esperança e consolação do povo exilado.

João Batista, aquele que anuncia Jesus, o Cordeiro de Deus e que veio para lhe preparar o caminho.

Maria, mulher que por seu sim ao plano de Deus, permitiu que a promessa de Deus se cumprisse. Ela também é modelo para nós cristãos de alguém que se preparou inteira para a vinda de Cristo.

E por último, José, o carpinteiro. Homem leal e justo que colaborou através de sua adesão aos planos de Deus. A promessa messiânica anunciava que o Salvador seria da descendência de Davi, por isso, Deus quis precisar de José que foi o fiel "pai adotivo de Jesus".

Nas semanas do advento os textos bíblicos nos mostrarão a vida e o testemunho destes que viveram a esperança, a conversão e a expectante alegria de serem escolhidos por Deus e de crerem em suas promessas.

Durante esse tempo, podemos perceber nas igrejas, nas casas todo o simbolismo que nos prepara para o Natal, em cada enfeite, nas expressões de esperança que o Natal oferece a cada cristão. Não podemos nos esquecer de que nos preparamos para algo muito maior do que festas, presentes e comidas, mas para algo grandioso que é a vinda de Cristo, Nosso Senhor.

Por Renata Souza, missionária da Comunidade Deus Proverá